LOADING

Estar no lugar certo, à hora certa.

Estar no lugar certo, à hora certa.

Do ponto de vista empresarial, é verdade que as redes sociais são espaços destinados a entreter e a criar relacionamentos. No entanto, isso não significa que não possamos usar estas plataformas para vender. O desafio é adaptar a estratégia e, por isso, hoje vamos falar-lhe sobre Social Selling.

 

Se ainda pensa que os internautas estão nas redes sociais apenas porque gostam de interagir com alguns amigos e familiares, neste artigo vai poder comprovar que os seus interesses vão muito para além disso.

 

redes sociais dentista

 

 

Afinal o que é o Social Selling?

 

O Social Selling é o processo de prospetar potenciais clientes, através de relacionamentos estabelecidos nas redes sociais. Tudo isto, com o objetivo de gerar vendas.

 

Nesta abordagem, as estratégias de hard selling são postas de lado e as interações positivas com os internautas conquistam terreno, ganhando assim a sua confiança e reconhecimento.

 

Numa estratégia de Social Selling a credibilidade é a palavra do dia e para isso são colocadas em prática várias técnicas subtis de interação, criação de valor e notoriedade. Nesta arena não existem pressas ou ações precipitadas porque, afinal de contas, ninguém consegue conquistar a sua confiança em dois dias, certo?

 

 

 

Se não existem pressas, como é que o Social Selling atrai clientes nas redes sociais?

 

A principal função desta abordagem é nada mais, nada menos, que fazer o lead evoluir no funil (o chamado “lead development”). No entanto, as redes sociais permitem às agências de marketing pesquisar sobre contas e stakeholders e entender melhor os seus interesses e valores.

 

Com todo este conhecimento precioso são desenvolvidos conteúdos orientados para captar a atenção das personas de cada marca e disseminar estes conteúdos em grupos de interesse.

 

“Ah! Mas as pessoas não gostam de ver publicidade nas redes sociais”. Ora, isso depende do tipo de conteúdo que estão a ver. Segundo o LinkedIn, 62% dos compradores B2B respondem a vendedores com quem se conectam, sempre que percecionam uma oportunidade relevante. Para além disso, uma pesquisa da Opinion Box demonstrou que 48% dos inquiridos já compraram algum produto ou serviço que conheceram através do Instagram.

 

social selling

 

Portanto, as redes sociais também servem para vender, mas para que o consiga fazer terá de optar por uma abordagem diferente da habitual, lembrando-se sempre que as redes sociais são canais de relacionamentos. Relaxe a sua comunicação e comece a criar empatia com o seu público-alvo.

 

Estamos prontos para conversar acerca da estratégia de Social Selling para a sua marca.

 

Saiba mais aqui.